+55 (11) 3053-5566

PortuguêsEnglishEspañol

+55 (11) 3053-5566

PortuguêsEnglishEspañol

Principais indicadores de crescimento para sua empresa

04

jul

Principais indicadores de crescimento para sua empresa

Uma empresa em atividade deve manter os dois olhos bem abertos para analisar se está saindo do lugar – nesse caso, se está crescendo e lucrando. Porém, identificar essa movimentação para cima ou para baixo parece ainda ser um problema para as empresas, independente do seu tamanho e posição no mercado. Por isso, é importante prestar atenção aos indicadores de crescimento.

Os indicadores financeiros podem ser divididos em: medidor de desempenho passado e medidor de desempenho futuro – no inglês chamados de lagging indicators e leading indicators, respectivamente. Boa parte dos indicadores trabalham com dados referentes ao passado, já que mostram, precisamente, se a empresa foi capaz de atingir seus objetivos e se isso aconteceu em curto ou longo prazo.

Já os indicadores que apontam para o futuro normalmente estão ligados a tudo que está acontecendo hoje na empresa e como essas movimentações e eventos afetam um possível crescimento futuro.

Ficou interessado? Então, conheça os principais indicadores de evolução para a sua empresa a seguir:

Grau de satisfação dos consumidores

Entre os indicadores de crescimento mais relevantes, nada melhor do que analisar aquele que mostra o quanto seus clientes estão felizes com os serviços e produtos que você oferece, não é verdade? Saber se os seus compradores estão sorrindo ou não pode guiar a empresa a tomar medidas de reparo ou continuar atuando da mesma forma, fazendo apenas pequenas mudanças.

Quando existe satisfação, os consumidores repetem as compras, deixam feedbacks positivos, indicam para conhecidos, se tornam fieis à marca, etc. Todavia, o principal significado da alta taxa de felicidade é que as vendas futuras devem aumentar e monitorar isso é importante para se ter um panorama do futuro do empreendimento.

Parcela de mercado (market share)

A market share serve para avaliar a força e as dificuldades de uma empresa, além da aceitação dos seus produtos. Ele aponta para a capacidade do seu negócio de atender os consumidores, ou seja, se os recursos em sua posse conseguem chegar ao nível ideal da demanda do mercado. É também uma medida que revela a capacidade e as chances de crescimento.

Quando se é uma pequena ou média empresa, ter conhecimento a respeito da participação no nicho em que está inserido pode ser crucial para adotar novos planos de negócio, a fim de ganhar vantagem competitiva e não perder oportunidades para a concorrência.

Crescimento do setor

Não se pode esquecer de analisar o mercado onde sua empresa está inserida. Olha só para si mesmo é um grande limitador e o crescimento do setor é um dos principais indicadores de evolução de um empreendimento.

A economia funciona em ciclos e saber em que parte do ciclo de negócios o resto da economia se encontra indica as possibilidades de crescimento que devem ser aproveitadas, mesmo que minimamente. Indicadores do setor e macroeconômicos podem ajudar a modelar o crescimento da empresa.

Após dois anos de pandemia, o setor brasileiro de serviços voltou a crescer em ritmo acelerado, e, na mesma velocidade, instituições de outros segmentos também estão indo para cima. Se isso não está acontecendo com o seu empreendimento, algo estrutural precisa ser resolvido. Se necessário, procure ajuda de um time de profissionais contábeis para orientações mais precisas.

Gostou desse texto? Confira mais no blog da JFGranja!

Compartilhe: